porque eu não acredito no equilíbrio entre vida pessoal e profissional

screen-shot-2016-11-07-at-15-22-01

  acho que nunca fui uma pessoa muito equilibrada com o que gosto. desde pequena sou meio obcecada com as minhas coisas… meus sonhos, minhas artes, meus objetivos. bem 8 ou 80, sabe? quando me apaixonei pelo ballet (e isso durou muitos anos seguidos) era como se nada mais existisse na minha vida. essa era minha…

Continuar Lendo →

5 coisas que eu aprendi na infância sobre ser consistente

path1

  quando pequena eu e meu irmão nunca podíamos faltar em nenhuma atividade extra que fazíamos. lembro muito dos dias em que ir para o inglês era um sofrimento e eu fazia de tudo para tentar faltar, mas lá em casa ninguém dava bola para esse meu tipo de drama. a gente só podia escolher…

Continuar Lendo →

gentileza gera gentileza

kindness

  não sei se você já passou pela experiência de errarem seu nome, mas eu lido muito com isso desde criança. as pessoas insistem em me chamar de mariana, às vezes até acertam de primeira, mas acontece também de depois de alguns contatos eu já ter virado mariana. não sofro, claro, mas legal não é e eu…

Continuar Lendo →

quanto mais você conhece de si e do outro, menos pode acabar conhecendo

mirror

  durante a faculdade, naturalmente simpatizei com algumas teorias psicológicas. a psicanálise foi a que desde o começo mais me interessou. gostava em especial da sua complexidade e foi, inclusive, com lacan que tive uma relação quase de amor e ódio. depois de quase enlouquecer tentando entender o que ele falava, me apaixonei. a gestalt…

Continuar Lendo →

como eu finalmente entendi o que é meditação e descobri meu jeito próprio de meditar

medi1

  o que vem a sua mente quando escuta a palavra meditação? por muito tempo fiquei presa à ideia de que meditar era não pensar em nada, e era justamente isso que eu acreditava ser meditação que a cada dia me afastava mais dela. não sei se você acredita ou já acreditou nisso, mas há…

Continuar Lendo →

o que eu aprendi sobre idas e vindas, sobre os sopros da vida

screen-shot-2016-09-19-at-9-42-21-am

  Sempre fui aquela pessoa de poucos, mas bons amigos. Muito leal, como boa capricorniana que sou. Inevitavelmente, assim conheci o apego. Me ensinei desde sempre a depositar muita expectativa no outro, esperar atitudes e reações que seriam as minhas. Quando penso na Marina de ontem me vem a memória apenas relacionamentos intensos… amizades que eu…

Continuar Lendo →

como eu superei meu (quase) burnout

man-person-relaxation-steps

  Esses últimos dias pensei muito no mar. Não no seu cheiro, nos seus sons ou na sua beleza. Pensei mesmo foi na sua água salgada… Como toda criança, quando pequena eu adorava ir a praia e me enterrar na areia, construir castelos, fazer barragens e, claro, pegar jacaré. Mas como cresci na fazenda sempre…

Continuar Lendo →

porque eu faço jejum (e 7 motivos para você testar também)

shutterstock_413407774

  domingo, quase sempre, é dia de jejum pra mim. não para compensar qualquer “jaca”, e muito menos como tentativa desesperada de emagrecer. Faço jejum por muitos outros motivos e objetivos, e é isso que vou te contar hoje. pode ser que você tenha já torcido o nariz e achado estranho. para muitos isso é…

Continuar Lendo →

carta ao pai

letter-mail-mailbox-postbox

querido pai, quando pequena eu não era fã dos livros e ouvia de você que deveria me interessar mais por eles. concordava e tentava, mas enquanto todo mundo pirava nos livros do harry potter, nunca consegui passar dos primeiros capítulos. não desisti, nem você, e lembro dos primeiros livros que realmente me prenderam a atenção… o homem…

Continuar Lendo →

o que eu reaprendi sobre a arte com marina abramović

marina

“eu sonho minha pintura e então eu pinto meu sonho”- van gogh o que é arte para você? beleza? criação? expressão? desde que comecei o blog a ideia de arte que trago aqui vai muito além daquilo que  convencionalmente chamamos de arte (música, pintura, teatro…). até escrevi aqui no sobre do blog que eu falo…

Continuar Lendo →

Page 2 of 7